Showtime: Uma história de amor à primeira vista

SHOWTIME CAPA FOLKBOX

Eu estava mais que afundado no meu ócio de férias (tipo, submerso na preguiça), quando eu resolvi comprar algumas revistas de moda para ver se conseguia catar referências novas – e ler alguns artigos sobre o assunto. Saí de casa determinado a comprar a Vogue Brasil de fevereiro (para ver um editorial que o Zee Nunes fez para a revista) e qualquer outra coisa que me ajudasse a matar o tempo ocioso.

Chegando onde eu fui comprar a revista (fui até outra cidade só para gastar mais tempo – a quantidade de nada que eu estava fazendo era realmente muito grande), me deparei com um mundo infinito de publicações nacionais e internacionais de tudo quanto é lugar do planeta. Me perdi completamente – até esqueci o editorial do Zee – e comecei a devorar ali mesmo tudo o que eu podia (eu nem tinha cacife para levar tudo aquilo de revista): Allure, GQ, Vogue de lugares do mundo que eu nem conhecia, Harper’s Bazaar e Elle… ah! Elle!

Na dia eu já sabia que o Jean-Paul Goude (o cara é um gênio, mas ganhou visibilidade recente por fazer a capa da Paper Magazine com a Kim Kardashian) tinha feito alguma coisa relacionada à Louis Vuitton para a Elle UK, só que não foi nada que eu tivesse dado atenção… ainda bem, porque assim a surpresa foi maior.

E foi folheando essa preciosidade, que eu me deparei com o editorial do Goude. Meu queixo foi no centro da Terra. Segundos depois do meu cérebro ter dedicado cada nervo do meu corpo a reagir para aquela foto maravilhosa, minha primeira reação foi: WHAAAAAAAAAAT?! Minha cabeça chegou a formigar de tão impressionado que eu estava. Fiquei vendo esse editorial por uns 30 minutos, folheando cada página com a maior atenção do mundo. Até que finalmente consegui levantar e ir para casa com aquelas extraordinárias obras-primas passeando pelo meu imaginário. E se eu levei alguma revista? Não. O objetivo de comprar a Vogue Brasil tinha sido completamente abortado pela minha mente, e além disso… comprar material importado custa muito caro!

É claro que as fotos não são documentais, tudo que está acontecendo nas imagens foi meticulosamente planejado – isso não tira a graça do ensaio, pelo contrário, as coisas ficam mais mágicas ainda. As poses teatrais e tudo o que você pode reparar nas imagens foi pensado anteriormente. O editorial é uma parceria do Jean-Paul Goude com o Nicolas Ghesquière (estilista da “mezón”), que escolheu as modelos que estrelariam as páginas da revista.

Vamos aos créditos: Além do próprio Ghesquière, aparecem nas fotos: Amalie Schmidt, Elodie, Angel, Emilie Fouilloux, Daphne Simons, Magdalena Jasek, Mae Lapres, Emmy Rappe, Mica Arganaraz e Sora Choi; enquanto isso, Paul Hanlon fica com os cabelos da produção e Dunja Schultze assina a maquiagem; por fim, o styling ficou nas mãos de Anne-Marie Curtis.

T14203164881381102_2 T14203164881381102_6 T14203164881381102_5 T14203164881381102_4 T14203164881381102_3

Curtiu? Se quiser conferir os detalhes mais de pertinho, só clicar na foto.

Até mais!

Anúncios

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s